USO DE BIOESTIMULANTES E AGENTES BIOLÓGICOS SOBRE O DESENVOLVIMENTO RADICULAR DE PLANTAS DE SOJA

Thaniê Gomes Alcamim, Samara Teles Ferraresi, Sérgio Miguel Mazaro, Jean Carlo Possenti, Ivan Carlos Zorzzi, Nean Locatelli Dalacosta

Resumo


O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito de produtos biológicos e bioestimulantes no tratamento de sementes de soja. Foram utilizados produtos à base de Trichoderma harzianum, Paecilomyces lilacinus Pae e um bioestimulante contendo macro e micronutrientes e extratos vegetais, avaliando o efeito isolado e associado. Analisou-se o efeito sobre o número de nódulos, volume radicular e matéria seca das raízes de plantas de soja 60 dias após o plantio. O bioestimulante aumentou o número de nódulos radiculares, enquanto que o uso isolado de Paecilomyces lilacinus Pae e de bioestimulantes e, ambos associados ao produto à base de Trichoderma harzianum promoveram aumento de matéria seca. Para o volume radicular não houve diferença estatística para os tratamentos utilizados. Os resultados indicam que os produtos biológicos e bioestimulantes têm efeito positivo sobre o desenvolvimento radicular de soja, porém esse benefício varia conforme as associações e os produtos utilizados. Dessa forma, sugere-se novos trabalhos que considerem condições de campo e efetividade dos produtos.

Texto completo:

PDF


CCT - UTFPR - DV